36 Horas em Bordéus #1

36 Horas em Bordéus #1

A viagem começou aqui em Leiria às 4 da manhã, com destino a Bordéus e ainda tínhamos planeado fazer uma paragem em San Sebastián para conhecer a cidade por umas horas [acabamos por não conseguir visitá-la por falta de tempo, mas queremos muito ir lá, por isso fica para uma próxima].

Chegamos a Bordéus por volta das 19h de lá, bastante cansados e com vários cafés em cima, no total foram cerca de 14 horas de viagem, sinceramente acho que foram demasiadas horas [talvez tenhamos sido um pouquinho ambiciosos, eheheh] e sabendo o que sei hoje optava por ficar uma noite numa cidade mais perto, como San Sebastián ou até em Salamanca e depois continuar o caminho.

Mas não foi por isso que na chegada a Bordéus não aproveitamos ainda um pouquinho, fomos colocar as malas a casa que era um pouco distanciada do centro, cerca de 40 minutos a pé [sim, depois de 14 horas de viagem ainda fomos e voltamos a pé], e como estávamos a morrer de fome ainda fomos até ao centro fazer um primeiro reconhecimento, [não sei se fomos nós que tivemos azar, mas durante o tempo que passamos na cidade achamos tudo bem calmo, várias coisas fechadas tanto na sexta à noite como no domingo de manhã, de noite não havia muito movimento pelas ruas, e olhem que chegamos no dia de inauguração no Euro com jogo de França, e estávamos numa cidade do Euro, por isso ainda achamos mais estranho].

No dia seguinte acordamos cheios de energia para explorar a primeira cidade da RoadTrip, optámos por comprar o pequeno-almoço e algumas coisas para comer durante o dia num supermercado perto de casa, e assim poupar algum dinheiro nas refeições e acreditem que por lá é tudo bem caro, desde comida a bebida [pagamos cerca de 5€ por cada cerveja].

36 Horas em Bordéus #1

36 Horas em Bordéus #1

Começámos o dia na Catedral de Saint-André e daí fomos andando pelas ruas até ao Porte d’Aquitaine, na Praça da Vitória super catita e óptima para parar um pouco num café e sentir a movimentação da cidade, aliás é uma das coisas que mais gosto de fazer nas viagens.

Depois fomos andando pelas ruas, confesso que meio perdidos até chegarmos a um mercado que na altura nem sabíamos bem qual era, é um pouco turístico mas ainda assim vale muito a pena dar uma vista de olhos, o Marché des Capucins é daqueles mercados que para além de venderem as frutas, legumes e tudo o que um mercado tem [e ainda mais, havia lá uma banca só de ervas aromáticas secas, quero um mercado destes na minha vida por favor], ainda tem aquelas bancas que também servem comida pronta, meio como restaurante, ou seja um óptimo lugar para fazer a pausa do almoço e provar um monte de coisas típicas da zona, como aqueles queijos maravilhosos que França tem. =D

Bem, acho que este artigo ficou maior do que aquilo que estava à espera, e como não quero que deixes de ler as dicas de Bordéus [ainda vem aí o meu lugar preferido da cidade] por ficares farto de ler, vou deixar as próximas dicas para amanhã, combinado?

36 Horas em Bordéus #1

36 Horas em Bordéus #1

36 Horas em Bordéus #1